Debriefing – Parte Deux

Tive a oportunidade de passar dois dias em Miami. Fiquei hospedado num hotel em Bayside, próximo a uma marina. Miami parece ter aquele clima de festa todos os dias, imagino que Copacabana também seja assim (pelo menos pros turistas e moradores da região nobre).

Meu hotel foi o do cantinho direito, escondido atrás da palmeira :)

Um palco e um shopping ao ar livre com varias lojas e restaurantes integram a marina. Incontáveis barcos de passeio e privados me fazem imaginar a aparente vida perfeita de quem tem dinheiro pra possuir uma propriedade ali. Alguns clicks à frente, o enorme cruzeiro da Royal Caribbean está ancorado próximo ao prédio da empresa . Naquele clima tropical, sair à noite para dar uma voltinha ao som de musica ao vivo e se refrescar com a brisa do mar é perfeito.

Param pam pam pam pam, huuul!

Downtown Miami é cheia das lojas de bugigangas. Parece uma 25 de março de primeiro mundo, e essa foi a razão de eu não ter gostado. O mesmo padrão de atendimento se aplica, onde você pergunta o preço e o valor vai diminuindo conforme você vai dando passos em direção a saída. Com imigrantes por toda parte, o que menos se houve é inglês: nas placas e anúncios ele vem sempre em segundo lugar; na Victoria’s Secret uma das vendedoras falava um português afiado; a TV tinha mais canais falando espanhol do que inglês. No Starbucks tive a chance de ver e ouvir dois policiais hermanos conversando (Bad Boys me veio a cabeça – param pam pam pam paaam, huuuu!). Com apenas 48 horas em Miami eu já estava doido pra voltar pra Connecticut. Perdoem-me, mas é muito espano e latino pro meu gosto.

Continuemos sobre as coisas bonitas: prédios enormes e modernos, muitos deles sempre seguindo um curioso padrão de cores claras e vidros esverdeados. Não consigo nem imaginar o preço de um daqueles apartamentos. O visual clean me lembrou um pouco de Mirror’s Edge. Existe também uma espécie de mini-metro que durante a semana é gratuito e percorre toda downtown, cortando prédios e te levando aos pontos mais importantes (setor de negócios, prédios do governo etc). Foi um passeio bem bacana, tanto que decidimos ir para o aeroporto em Fort Lauderdale apenas utilizando os trens.

Fim da parte II.

2 thoughts on “Debriefing – Parte Deux

  1. Fala Betones!
    Show de bola cara! Quem sabe um dia faço uma dessas viagens!
    Adorei as fotos… muito legal a perspectiva e arquitetura dos prédios!

    Também te desejo um 2009 de muito sucesso e realizações!

    Grande Abraço. :D

Leave a Comment